segunda-feira, 9 de setembro de 2013

A ORIGEM DA GRAVATA E O PÊNIS

A ORIGEM DA GRAVATA
Fazendo minhas pesquisas para confirmar o que havia lido a algum tempo atrás sobre a origem e uso da gravata, descobrir que minhas informações estavam certas no que diz respeito ao uso desse acessório.
A origem desse pedaço de tecido dependurado no pescoço remonta ao final do século XVII na França. Nesse tempo os croatas já usavam uma espécie de cachecol no pescoço, servindo para controlar a temperatura; em dias quentes usavam cachecol de linho e nos dias frio os trocavam por um feito de lã. Há informações também que no século I a.C., os soldados romanos usavam um lenço molhado e amarrado no pescoço para amenizar o calor. Ao longo da história esse apetrecho servia também como um lenço para secar o suor e limpar a boca nas refeições. O tempo passou, o lenço virou uma ‘borboleta’ e hoje temos um pedaço de tecido dependurado no pescoço simbolizando o órgão genital masculino.
Que a gravata é um símbolo do pênis, isso é muito óbvio! É só observar a forma, o local onde é posto e o tamanho. E ainda digo mais, é um pedaço de tecido que não serve pra nada, a não ser para representar a masculinidade.
Depois que pesquisei a origem e uso desse apetrecho, vou deixar de usá-lo. Sei que, como líder religioso serei descriminado por alguns conservadores (principalmente quem conserva alguns costumes sem conhecer sua origem). No entanto, Cristo me chamou para a liberdade e ninguém poderá me privar dessa dádiva nem me fazer presa de tradições insignificantes. Tenho comigo algumas fontes que provam que, a gravata moderna é sim, símbolo do pênis masculino, por hora não sei se posso divulgar essas fontes, mas, a quem interessa é só entrar em contato comigo no meu e-mail e terei o prazer de passar esse conhecimento a todos.
Pr. Israel Rezende

e-mail: israeloliveirarezende@hotmail.com

2 comentários:

Marcondes Alves Ferreira disse...

Paz querido
Gostaria que me enviasse suas fontes referente a sua argumentação
Marconivendas2009@hotmail.com

Obrigado

Atacilio Santos disse...

A paz de Cristo! Gostaria que se possível,me enviasse suas fontes de pesquisa sobre a a gravata ser símbolo do órgão masculino.Pois lembro muito bem,que já tinha ouvido essa história! Não sei se de alguma pregação de algum pastor na minha igreja ou de alguém ter me falado.Agora sei que não estava errado,quando comentei isso com um amigo e irmão.Espero que meu querido irmão,possa me enviar esse material de sua análise.Obrigado!
Meu e-mail:atacilius@gmail.com